Distintivos do Corinthians

Aqui você encontra a evolução do distintivo do Corinthians.

Distintivo do Corinthians de 1913

Distintivo Corinthians 1913

1913. Enquanto o Corinthians jogou na varzea, (1910 a 1913), as camisas não tinham distintivo. O primeiro foi criado as pressas, para a disputa da vaga na Liga Paulista de Foot-Ball. Continha apena as letras C e P, de Corinthians Paulista, maisculas e sobrepostas. Permaneceu até 1914 nos jogos contra o Torino.

Distintivo do Corinthians de 1914

Distintivo Corinthians 1914

1914. O primeiro escudo foi criado pelo litógrafo Hermogenes Barbuy (irmão do craque Amilcar). Surge o S de Sport. O C passa a valer para Club e Corinthians.

Distintivo do Corinthians de 1916

Distintivo Corinthians 1916

1916. O fundo agora é redondo. Permanecem as letras S,C e P entrelaçadas.

Distintivo do Corinthians de 1918

 

Distintivo Corinthians 1918

Até 1918 surgem variações do desenho com a volta do escudo de Hermogenes Barbuy com fundo preto.

Distintivo do Corinthians de 1919

Distintivo Corinthians 1919

1919. O distintivo já se aproxima do atual formado por um circulo negro, com o nome completo e a data da fundação em branco, e a bandeira paulista sem as treze listras.

Distintivo do Corinthians de 1930

Distintivo Corinthians 1930

1930. Surgem a âncora e os remos vermelhos que se referem aos esportes nauticos praticados no clube. Arte final de Francisco Rebolo Gonsales, ex-jogador do segundo quadro em 1922.

Distintivo atual do Corinthians

Distintivo Corinthians Atual

A partir de então, o simbolo sofreu poucas alterações, como a descrição fiel da bandeira paulista com as treze listras.

Concluindo a evolução, chegamos no escudo atual, com uma pequena borda ao redor dos remos, ancoras etc. Este com certeza é o simbolo de clube mais bonito do mundo

Você também vai gostar

Jogadores que mais jogaram pelo Corinthians Jogadores que mais jogaram pelo Corinthians Em número de partidas: Wladmir - 803 Luisinho - 606 Ronaldo - 601 Zé Maria - 595 Biro-Biro - 592 Claúdio - 554 Vaguinho - 548 Olavo - 514 Idário - 475 Rivellino - 471 Rafael - 456
A origem do mosqueteiro do Corinthians Mosqueteiro do Corinthians Três anos após a sua fundação, em 1913, uma divisão no Campeonato Paulista gera os torneios da APEA e da Liga, onde estavam apenas três clubes: Americano, Gêrmania e Internacional. Por isso, ficaram conhecidos como os 'Três Mosqueteiros'. O Corinthians queria entrar na Liga, mas para isso, precisava vencer o Minas Gerais e o antigo São Paulo. Venceu e se juntou ao...
Curiosidades sobre o Corinthians O primeiro título do clube não veio do futebol, e sim do pedestrianismo. Batista Boni, João Collina e André Lepre venceram o troféu Unione Viaggiatori Italiani numa corrida de dez quilômetros no Palestra Itália Jô foi o jogador mais jovem a entrar em campo. Foi na partida Corinthians 1 a 0 Guarani, em 19 de julho de 2003. À época Jô tinha 16 anos, 3 meses e 26 dias. O primeiro gol do clube f...
Torcedores famosos do Corinthians Lista dos Torcedores famosos do Corinthians em ordem alfabética Antônio Fagundes - ator Antônio Ermírio de Moraes - empresário Ayrton Senna - piloto de Fórmula 1; tricampeão mundial Badaui - vocalista da banda CPM 22 Bob Burnquist - skatista Bruno Senna - piloto da formula GP2 Cacá Rosset - ator e diretor Carlos Alberto da Silva - Mendigo, apresentador do Panico na TV Celso Unzelte - jo...
Patrocinadores do Corinthians ao longo dos anos Todos os patrocinadores ao longo dos anos do Corinthians 1982 - Bombril - Surgiu na camisa corintiana apenas para a decisão do título paulista daquele ano, contra o São Paulo. E só nas costas, como exigia a legislação da época. 1983 - Cofap - Foi a primeira marca a ocupar também a frente da camisa, a partir do Campeonato Paulista. Com ela, o Timão chegou ao bi. 1984 – Citizen - Apareceu s...


Deixe uma resposta